Áudio 189 – Mamadou Ba fala sobre bairro da Jamaica e força dos movimentos negros

“As pessoas [negras] não só não têm medo, como têm orgulho e consciência do que se faz. Quem está do outro lado da barricada talvez não alcance a importância dessa mobilização. (…) Nós estamos a trabalhar para o futuro e a tomar conta do presente.”, Mamadou Ba

O ano de 2019 começou de forma bastante agressiva para as comunidades negras em Portugal. No dia 20 de janeiro, uma intervenção da polícia no bairro da Jamaica, no Seixal, filmada por moradores, mostrou agressões a uma família negra e originou reações por parte de comunidades negras. Uma das reações foi o comentário de Mamadou Ba, dirigente do SOS Racismo, à atuação da polícia, numa publicação do Facebook, em que falava em “bosta da bófia”, o que lhe rendeu ameaças de morte e fortes críticas em praça pública mas também uma grande onda de solidariedade para com a sua dedicação à luta anti-racista. A manifestação de dia 21 de janeiro, organizada por jovens negros através de redes sociais, foi outra reação que revelou uma grande capacidade de mobilização por parte daquele grupo mas foi ignorada pelos media tradicionais e recebida com balas de borracha por parte da polícia.  Para Mamadou Ba estes acontecimentos revelam, por um lado, o racismo cada vez menos tímido que se vive em Portugal e, por outro lado, a força e a determinação dos movimentos negros.

Ler também:

Agressão da PSP parece”completamente desnecessária”, diz perito de Comité Antitortura

Estrearam-se numa manifestação por causa do Jamaica. “Podia ser a minha mãe” 

Dezenas de afrodescendentes criticam cobertura mediática do caso Jamaica

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s